Mulheres foram homenageadas nesta segunda-feira (15/5), na Câmara Municipal de São Paulo, com o prêmio Albertina Bezerra Barreto em comemoração ao Dia do Círculo de Oração. A data foi incluída no calendário da capital paulista por meio da aprovação e sanção do Projeto de Lei (PL) 440/2011, da vereadora Noemi Nonato (PR).

O Círculo de Oração surgiu a partir da iniciativa da pernambucana Albertina Bezerra Barreto. Há 75 anos, ela se reuniu junto às irmãs da igreja Assembleia de Deus para orar pela cura de sua filha Zuleide.

Participante do Círculo de Oração da Igreja Metodista, Maria Aparecida de Paula ficou emocionada ao saber que seria uma das homenageadas. “Participo há 15 anos do grupo, fazendo visitas aos lares e orando por todos que passam por dificuldade. É um honra ter esse reconhecimento”, comentou.

A bispa da Igreja Apostólica Resgate de Vidas, Meire Magalhães, foi mais uma das homenageadas e chamou a atenção para a importância do trabalho realizado no Círculo de Oração. “Ajudamos as pessoas necessitadas e o grupo as ajuda a levantar”, disse.

A participante do Círculo de Oração da Igreja Presbiteriana Glaucia Elecir Rocha Erdei demonstrou a felicidade pela homenagem. “Estou honrada por ser lembrada. Durante meus 72 anos tenho sido intercessora para ajudar quem precisa”, explicou.

A juíza Tânia Fiuza veio prestigiar o evento e sinalizou para as conquistas que teve a partir das orações. “Desde criança frequento a Assembleia de Deus, sou neta de dirigente de Círculo e devo muito a todos que sempre oraram por mim. É um privilégio participar desse evento”, disse.

O pastor da Assembleia de Deus Alex de Madureira concordou com Tânia. “O Círculo de Oração é o esteio das famílias, é o que tem mantido em pé as igrejas. Essa comemoração é um marco para nós e para as mulheres que se dedicam e intercedem por todos”, acrescentou.

Centenas de pessoas participaram do evento e agradeceram a vereadora Noemi pela iniciativa. O vice-líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Cezinha de Madureira (DEM), argumentou que o evento é “um reconhecimento justo às mulheres que fazem orações diárias e buscam Deus a favor de todos nós”.

O vereador Elias Rodrigues de Jesus (DEM) apoiou a homenagem. “Fico feliz de participar desse evento para prestigiar as mulheres que transformam as vidas das pessoas por meio da oração”, explicou.

A vereadora da cidade de Grossos (RN) Clorisa Linhares veio até São Paulo para participar da premiação. “Eu tenho um filho especial e foi por meio do Círculo de Oração que alcancei a graça”, disse. O secretário de Desenvolvimento Econômico de Santo André, Ailton Lima, elogiou a organização do evento. “É importante fazer essas homenagens, que são uma forma de reconhecer o trabalho de quem sustenta a igreja”, comentou.

A vereadora Noemi se disse satisfeita com a presença de todos e agradeceu a todas as mulheres que diariamente se dedicam à sociedade. “O Círculo é um marco na Assembleia de Deus e essas pessoas merecem ser reconhecidas. Participo desde pequena do Círculo e o importante é continuar e contribuir para esse trabalho”, disse.